Esta fotografia é uma metáfora visual. Simboliza o núcleo de Vida, entendendo-a como a Natureza, as Gentes e as suas Culturas, rodeados pela adversidade.

É um sinal e um clamor em memória dos povos da Peneda e do Gerês.



quarta-feira, 20 de outubro de 2010

A coisa é velha, mas é bom recordar


Há cerca de 2 anos, foi montada uma ponte em plena Mata da Albergaria.
Diz-se que foi encomendada a um importante arquitecto e dizem as más línguas que ele nem sequer foi ao local.
A ponte foi feita e custou bom dinheiro.
Para quê? Na lógica de funcionamento desta gente que nos administra e que gere o território, serviu para gastar/ganhar dinheiro com o projecto.
E qual a utilidade? Depois deste tempo todo, ainda não sabemos para que serve.
Não tarda muito e vai precisar de manutenção, sem estar pronta a ser usada.
Ah, o escadote, foi feito por alguém estranho à obra, como é bom de ver!

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Conseguimos!

No dia 15 deste mês, a Sra Ministra do Ambiente resolveu visitar-nos de surpresa. Felizmente, tivemos quem nos informasse e fomos ao seu encontro, entregando-lhe pessoalmente a carta que em Janeiro confiamos ao Sr. Governador Civil do Distrito de Braga.
Recordamos-lhe que o Estado apenas possui cerca de 7% dos terrenos em todo o PNPG, pelo que é fundamental obter-se o consentimento das pouplações locais.

Pode ver aqui a carta que escrevemos à Sra Ministra do Ambiente.

sábado, 16 de outubro de 2010

Boa vontade

As Juntas de Freguesia do Concelho de Terras de Bouro juntaram-se e deram em conjunto a resposta que lhes foi pedida sobre a proposta de alteração da portaria que regula a taxa de acesso de automóveis à Mata da Albergaria.

Foi preciso muito boa-vontade para responder no prazo que foi estabelecido. Que não seja para repetir este abuso e tomem bem nota deste importante contributo das populações locais para melhor cuidar deste importante património natural.

Veja aqui a resposta
.